Breno Viola, judoca brasileiro e ator do filme Colegas em palestra sobre inclusão

23.03.2018

 

 

 

 

 

Segundo o site do Governo Federal, cerca de 24% da população brasileira é portadora de algum tipo de necessidade especial. Além dos desafios físicos e/ou mentais, essas pessoas enfrentam o preconceito como algo cotidiano. Para incentivar a inclusão, o Instituto Nossa Senhora da Piedade promoveu uma palestra com Breno Viola, ator do filme "Colegas" e o primeiro judoca com Síndrome de Down a alcançar a faixa preta. Sua mãe, Suely Viola, também participou do evento.


 

Diante de centenas de estudantes,  Suely contou a história de superação do filho e afirmou que "devo tudo a Deus por ter realizado o sonho de fazê-lo feliz, pois ele sempre foi cercado de amor pela família, pelos amigos", completando, ela explicou que graças à própria formação como Psicóloga, foi capaz de auxiliar no desempenho de Breno desde os primeiros meses de vida. "Os exercícios foram importantes para o desenvolvimento dele, mas a base foi o amor da família. Nunca impomos limitações aos lugares onde íamos com ele". Suely ainda explicou que todas as pessoas são diferentes por si só, mas, dentro de casa, a educação seria a mesma para os três filhos. "Os valores morais e a educação são os pilares para o desenvolvimento de pessoas cidadãs e boas com o próximo e isso nós conseguimos propiciar aos três", conclui Suely

 

 

Ao se apresentar para o público, Breno explicou como o Judô teve importância na sua formação pessoal. "Comecei a praticar o esporte com três anos, meu ídolo era meu irmão que chegou a ser faixa preta. Era o que eu queria e foi pelo que eu lutei. Me tornei o primeiro portador de Down das Américas a conquistar a faixa preta e sempre fui tratado de igual para igual”, conta ele, que afirmou ter sido pelo programa Judô para Todos que entrou para a Seleção Brasileira de Judô e conquistou torneios mundiais e europeus. 

 

No cinema, Breno disse ter sido um desafio tanto para a família quanto para si, mas que depois que começaram as filmagens, tudo pareceu acontecer naturalmente. "Trabalhei com pessoas importantes na televisão como o Lima Duarte e ganhamos prêmios pelo nosso filme. Essa foi mais uma superação minha, de dizer para todos que eu estava em um filme importante para o Brasil", afirmou. 
 

 

 

 

Please reload

MEUS POSTS DESTACADOS

Evoluiu! Estudantes rumo ao Ensino Médio!

23.12.2019

1/10
Please reload

MEUS POSTS RECENTES

Please reload

ESCREVA PARA NÓS

Rua Fernando Osório, 24 - Flamengo - Rio de Janeiro - RJ

CEP: 22230-040

Tel.: (21) 2552-3398 / 2552-3348