O distanciamento social e o consumo impulsivo

Estar integralmente dentro de casa deixa muitas pessoas entediadas. Para se livrarem do incômodo, elas muitas vezes recorrem aos pedidos online, fazendo gastos desnecessários. Atento à esse realidade, o INSP realizou uma atividade, dentro do seu projeto de Educação Financeira, chamada “O poder das escolhas”, na qual os alunos do 4º ano do INSP Júnior analisaram e avaliaram custo e benefício do consumo.

Para significar essa construção de conhecimento, a professora Renata Severo elegeu um um quitute bem conhecido, o brigadeiro. Os estudantes deveriam refletir sobre qual a opção mais vantajosa economicamente, se fazer a receita em casa ou comprar a guloseima já pronta.

“Além de lições sobre educação financeira e empreendedorismo, abordamos nessa aula também a história do brigadeiro, seu contexto histórico, já que é um doce originado no Brasil que conquistou o mundo e ganhou uma outra roupagem, com versões gourmet”, explica Renata.

"Nessa aula, eu aprendi que, se eu comprasse os brigadeiros na padaria, eu gastaria um valor, mas se eu comprasse os ingredientes e fizesse 40 brigadeiros, gastaria menos”, conta o estudante Felipe Thumé, mostrando que entendeu direitinho a lição.

MEUS POSTS DESTACADOS

MEUS POSTS RECENTES

ESCREVA PARA NÓS

Rua Fernando Osório, 24 - Flamengo - Rio de Janeiro - RJ

CEP: 22230-040

Tel.: (21) 2552-3398 / 2552-3348